A quinta edição da in-cosmetics Latin America, que acontece nos dias 19 e 20 de setembro no Expo Center Norte, em São Paulo, traz o desafio permanente de  apresentar novos conceitos, adaptados às  necessidades específicas para a realidade latino-americana. É um evento gratuito para formuladores, profissionais da área química e de P&D das empresas fabricantes de cosméticos.

Em 2017 a feira teve um aumento em 20% sua área de exposição e 12% em número de visitantes em relação à do ano anterior. Recebeu o maior público de todas as edições, com o registro total de 4.689 visitantes de 38 países, com  mais de 150 expositores internacionais da indústria, entre eles o Brasil, os Estados Unidos, a China, a França, o Reino Unido, a Alemanha e a Coréia do Sul.

A edição da América Latina reúne expositores internacionais de matérias-primas, fragrâncias, equipamento de laboratório, testes e soluções regulatórias e fabricantes de cosméticos provenientes de toda a América Latina. Traz inovação em matérias-primas e tecnologias, promove conteúdo educacional e insights para formuladores, profissionais de P&D e da área de marketing de empresas de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos. Sua rica programação inclui ainda questões de testes e assuntos regulatórios.

Esta quinta edição no Brasil aposta em experiências e ações de live marketing onde químicos, formuladores e profissionais de P&D podem não só ter contato direto com matérias-primas inovadoras, mas, também, balizar negócios na direção das principais tendências globais, já que todos os anos, agências de pesquisa de mercado e seus analistas apontam tendências globais para a indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (HPPC), que vão da análise do comportamento do consumidor a aplicação de novas tecnologias.

A grande demanda por inovação no setor leva as indústrias a investirem em pesquisa e apresentarem ingredientes cosméticos alinhados com estas tendências. A agência Mintel, parceira da feira, já adiantou grandes movimentos globais de beleza e cuidados pessoais para 2018, que vão desde de biotecnologia a novas definições de beleza criadas pelos próprios consumidores e que não se limitam a questões como idade, gênero e tipo de corpo.

Um dos destaques da programação 2018 é o Spotlight On, nova atração que traz ingredientes funcionais e ativos nas categorias haircare, anti-ageing e formulações, com protótipos que indicam opções que podem ser aplicados no mercado e que estarão disponíveis para os visitantes testarem seus efeitos e benefícios em produtos finais.

A feira traz ainda ações demonstrativas, interativas e uma intensa programação de conteúdo educacional, além de proporcionar o contato direto empresas fornecedoras, como: Beraca, Chemyunion, Croda, Symrise, Clariant, Kobo, Gattefossé,  Cargill, Givaudan, quantiQ e Sensient, entre mais de uma centena de empresas  que apresentarão ingredientes e ativos que atendam às necessidades dos profissionais visitantes, profissionais da área química e de P&D de empresas nacionais e multinacionais, como: Natura, Avon, P&G, O Boticário, Unilever, Belcorp, entre outras.

“Como a in-cosmetics Latin America é uma feira de negócios, estas ações são valiosas para os expositores, por representarem um contato direto com um público qualificado e que é convertido em networking e real avaliação dos produtos e seus benefícios. O visitante também ganha, com testes em primeira mão e por ver resultados práticos e inspiradores para suas próximas criações”, comenta Daniel Zanetti, Diretor da in-cosmetics Latin America.

De acordo com ele, não se trata de um evento brasileiro voltado para a América Latina, mas de uma feira da América Latina que acontece no Brasil. Assim, o país sede é o ponto de conexão entre a região e o mercado cosmético. Isso acontece porque a relação Brasil-cosméticos é pulsante. De acordo com um estudo recém-publicado pela Abihpec – Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos , o Brasil tem hoje 2.178 empresas do setor regularizadas na Anvisa e exportou para 178 países em 2017, principalmente para: Argentina, Colômbia, México, Chile e Paraguai.

“O Brasil é imenso e com polos de cosméticos importantes além do eixo Rio-São Paulo. Queremos receber os fabricantes do Sul, do Nordeste, de outras regiões e, claro, de países vizinhos também. Abrimos o credenciamento antecipado para que visitantes de todas as partes possam se organizar”, diz Daniel Zanetti.

Outras atrações que estarão disponíveis ao público profissional , além do Spotlight On, são:

Innovation Zone: Área que reúne as principais matérias-primas lançadas nos últimos meses. Também conta com apresentações ao vivo da Mintel, uma das maiores agências de inteligência de mercado, com os produtos finais mais importantes lançados ao redor do mundo, permitindo que o visitante saiba antecipadamente quais as tendências que chegarão ao Brasil.

Fragrance Trail: Uma trilha que guia o visitante por novos aromas e componentes que podem fazer toda a diferença em seus produtos finais, fazendo com que economize tempo na feira.

Marketing Trends: Acesso aos mais recentes dados de mercado, tendências e conteúdos voltados para inovação com painéis organizados por agências como Mintel, Euromonitor e Kline.

Technical Seminars: Área onde expositores e fornecedores realizam palestras informativas para formuladores e profissionais de Pesquisa e Desenvolvimento.

Workshop Técnico ITEHPEC: Série de palestras e debates reunindo especialistas renomados mundialmente com foco nos desafios científicos e legislativos para o setor.

O papel da in-cosmetics Latin America é conectar a região com o que acontece de mais importante no mundo para a indústria HPPC, contextualizando e transformando informações globais em insights locais. “A feira vem crescendo em tamanho e em conceito a cada ano, sendo reconhecida por visitantes e expositores pelo foco, conteúdo e geração de negócios rentáveis”, explica Daniel Zanetti, diretor do evento.

A  América Latina, de acordo com levantamento da Euromonitor Internacional aponta que, fora o Brasil, México, Chile e Colômbia são os mercados mais dinâmicos e robustos da região, com um volume importante e potencial de crescimento expressivo. “O Brasil, até mesmo pela importância em exportações, é o ponto de encontro”, finaliza Zanetti, que sugere o credenciamento antecipado para a feira, já que este ano foram providenciadas várias vantagens, como:

A feira tem  a chancela das principais instituições que tratam do mercado HPPC na região, como ABIHPEC E ITHEPEC (Brasil), APQC (Peru). ANDI e CASIC (América Latina).  Agências como Euromonitor International, Mintel, Factor Kline e Beautystreams também apoiam.

 

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas através do site http://bit.ly/2sFQya7