Ashland, empresa global de especialidades químicas, sediada nos Estados Unidos, depois da aquisição da Pharmachem Laboratories, vai trazer para seus laboratórios no Brasil tecnologias em nutracêuticas e em cuidados pessoais.

A empresa pretende melhorar sua posição nos mercados finais de nutracêuticos, de rápido crescimento abrir uma nova oportunidade nos mercados de fragrâncias e sabores. Com fábricas em Cabreúva e Araçariguama, ambas no Estado de São Paulo, a Ashland quer alavancar canais de venda, sua rede de serviços técnicos e laboratórios de aplicativos globais para acelerar o crescimento da Pharmachem no mundo.

A Pharmachem desenvolve, fabrica e fornece produtos nutricionais e de fragrâncias. Na cidade de Cabreúva, está sediada a planta de aditivos para as indústrias de alimentos, bebidas e nutracêuticos, para onde serão direcionados os recursos e investimentos necessários para absorver a demanda gerada com a aquisição da Pharmachem.

Presente em mais de 100 países, a Ashland, tem receita de US$ 5,4 bilhões e atende a uma ampla gama de mercados industriais e de consumo, incluindo cuidados pessoais e farmacêuticos, adesivos, revestimentos arquitetônicos, automotivo, construção, energia, alimentos e bebidas.

A empresa pretende melhorar sua posição nos mercados finais de nutracêuticos com rápido crescimento, abrir uma nova oportunidade dentro de fragrâncias e sabores.

O valor do investimento não foi revelado, mas com o movimento, a empresa espera que os laboratórios no País crescem 60% no curto prazo.