1 – Se vocês já haviam feito uma primeira incursão no universo masculino com o lançamento de perfumes e desodorantes, o que levou o Grupo Reserva a investir na marca Vaibe? Quando ela foi lançada?

A Reserva começou como uma marca feita por e para meninos de 20 e poucos anos. Hoje somos uma marca feita para pessoas de todas as idades, dos 2 aos 100 anos. Com o tempo veio o interesse natural por bem-estar, longevidade, saúde e demais assuntos relacionados a este tema. A VAIBE é nosso veículo de produtos e serviços nesta direção, para as demandas dos homens. Lançamos em agosto de 2017 com a chegada da linha estendida de perfumes.

 

2 – Como é o nécessaire masculino hoje? Quais os principais produtos que vocês oferecem entre os seus 33 itens, que atendem novas demandas masculinas?

No nécessaire masculino o destaque vai para o aumento dos produtos para barba, cabelo e pele. Para cabelos, por exemplo, lançamos pomada efeito molhado, cera de efeito fosco, modelador em pó feito de tapioca e spray efeito “maresia”. A cera é um show à parte em termos de textura, temos recebido elogios de “heavy-users” deste produto, que faz frente às melhores ceras do mercado.
Para a barba temos creme, espuma e gel transparente que se complementam com loções pós-barba bem carregadas em camomila, vitamina E mentol para refrescar.
Para quem cultiva a barba, temos óleo hidratante que tonifica e arruma os pelos. Ou seja, procuramos entregar efeitos diversos em produtos variados, tudo com fragrâncias sutis e muito bem equilibradas.

 

3 – As fragrâncias da linha são iguais ou diferentes dependendo da linha?

São duas fragrâncias: “Musk, Sálvia & Lavanda Inglesa” que traz ainda notas de gerânio, cravo e óleo de pau-rosa e a fragrância “Vetiver, Cedro e Pimenta” bem amadeirada e fresca, um clássico masculino. A maioria dos produtos pode ser encontrada nas duas fragrâncias.

 

4 – As duas linhas de produtos são naturais e veganas. Vocês também trabalham com a ideia de desperdício zero e sustentabilidade?

Não utilizamos parabenos e corantes em nossos produtos. Privilegiamos ingredientes naturais sempre que possível. Nosso xampu, por exemplo, faz menos espuma por opção, por conta da redução ou ausência de alguns componentes químicos na fórmula. O pó esfoliante de nosso gel de banho é pó de semente de damasco e a base de nosso modelador capilar é a tapioca.
Não temos componentes de origem animal nas formulações (nosso Musk é sintético) e também não há testes em animais.
Mas não somos uma marca vegana. Temos alguns compromissos com a durabilidade do produto que ainda nos impedem de fazer um produto 100% vegano. Portanto não seria correto afirmar que somos uma marca natural e vegana, mas diria que estamos num bom caminho.

 

5 – Porque a escolha do Jaborandi entre os principais ativos da marca? Fale um pouco sobre as propostas nas em formulações.

O jaborandi, um ativo brasileiro, não é exatamente uma novidade em xampus. Mas ele interessa aos homens porque possui propriedades naturais de fortalecimento do couro cabeludo, evita a queda e eventualmente pode estimular o crescimento de novos fios. Todos os demais produtos têm ingredientes funcionais em suas fórmulas como aloe vera, óleo de argan, manteiga de karité, tapioca, mandioca, algas marinhas, pó de semente de damasco e nozes, entre outros.

 

Vaibe

6 – Entre os produtos estão: Sérum Mãos Joelhos e Cotovelos para homens, de ação matificante e Espuma de Barba com ação hidratante, antienvelhecimento e desodorantes sem álcool … Vocês pesquisaram as preferências masculinas antes de lançar a Vaibe?

Sim, bastante. Foram quase dois anos de desenvolvimento. No caso do sérum hidratante, entendemos que as queixas dos homens se referiam às regiões mais ressecadas como cotovelos, joelhos, pés e mãos. Mas não queríamos fazer um hidratante com a textura cremosa convencional, então partimos para uma base de textura diferente enriquecida com um blend de ativos encapsulados como groselha negra, goji berry, blue berry, que somado ao óleo de amêndoas deixa a pele hidratada, mas com toque aveludado ao invés do cremoso tradicional.

 

7 – Existe uma proposta atualizada de produtos multifuncionais para a marca?

Temos em nossa linha o “Shampoo 3 em 1”, que pode ser utilizado para limpeza do cabelo, da barba e do corpo, com PH adequado a esta multifunção.

 

8 – Como é a distribuição da marca no país?

Nossos produtos podem ser encontrados nas lojas Reserva e Oficina e também no site VAIBE.COM.BR
Para além das lojas Reserva, estamos neste momento conversando com distribuidores e lojas-chave do mercado de Cosméticos e Bem-Estar.

 

9 – Vocês já nasceram com a ideia de embalagens retornáveis e incentivo à política de reciclagem?

Criamos um programa simples de incentivo chamado “Tudo que VAIBE, volta”. Os clientes que trouxerem as embalagens de VAIBE vazias às nossas lojas recebem bônus de 10% na recompra dos produtos VAIBE. Nós fazemos a logística reversa completa das embalagens até chegarem ao nosso parceiro de reciclo que transforma aquilo em novos plásticos, malhas e outros insumos para a indústria. Ainda é pouco, gostaríamos de aumentar o benefício, pois esta questão é urgente. Qualquer companhia que vende embalagens deveria cuidar do destino das mesmas.


10 – O Grupo Reserva também tem em seus planos uma marca feminina? Há outras marcas de beleza?

O Grupo já possui uma marca de moda feminina, a Eva, criada em 2011, com direção criativa de Priscila Barcelos. Não há outras marcas de beleza.