A Unilever anunciou seus resultados para o primeiro trimestre de 2019, que mostram um crescimento de vendas de 3,1%, liderado por negócios em mercados emergentes, que cresceram 5,0%.

De acordo com a empresa, os mercados emergentes melhoraram ligeiramente em comparação com o quarto trimestre, em especial no Sudeste Asiático e no Brasil. O crescimento foi equilibrado entre volume e preço e a recuperação em volume, em comparação com o quarto trimestre, foi ajudada pelo impulso sustentado no Sudeste Asiático e no Norte da Ásia.

O crescimento dos preços da Argentina, que teria adicionado 80bps à USG reportada, foi excluído devido ao seu status hiperinflacionário, enquanto o declínio do volume reduziu o crescimento das vendas subjacentes do grupo em 10bps.

As marcas globais foram ajudadas por inovações, incluindo o lançamento de uma nova tecnologia patenteada de antitranspirantes para a linha Rexona Clinical Protection e o Dove Dove para lavagem de espuma na América do Norte, com cinco vezes mais hidratantes do que a principal lavagem manual.

A empresa diz que as aquisições desempenharam bem – Dollar Shave Club lançou um novo “modelo de serviço completo” projetado para facilitar aos assinantes a compra de uma linha completa de produtos para a rotina diária masculina à sua cesta mensal e Equilibra, marca de suplementos nutricionais, que ainda não está incluída na USG, posiciona-se bem para abordar a tendência para a saúde natural, beleza e bem-estar.

Prestige teve mais um trimestre de crescimento de dois dígitos e as marcas Schmidt e Quala, ambos agora incluídos na USG, cresceram fortemente, ajudados por sua expansão em outras categorias de cuidados pessoais.