O grupo de moda norte-americano Michael Kors oficializou na terça-feira dia 25, a compra da grife de moda, acessórios e perfumes de luxo italiana Versace por 1,83 bilhão de euros (ou US$ 2,2 bi), incluindo dívida e ações. A nova empresa será rebatizada de Capri Holdings, o primeiro grupo americano global de luxo. O acordo deve ser fechado no quarto trimestre fiscal.

O objetivo da Michael Kors, cuja marca é conhecida por suas bolsas de couro e perfumes, busca nos últimos anos ampliar seu portfólio de marcas de alta qualidade. No ano passado comprou a empresa britânica de sapatos de luxo e fragrâncias Jimmy Choo por US$ 1,2 bilhão.

A aposta na Versace ocorre no momento em que o grupo norte-americano busca atualizar a imagem da marca norte-americana e recuperar parte de seu poder de precificação. A combinação também visa revitalizar a Versace, que voltou a ter lucro líquido no ano passado.