A Ashland Specialty Ingredients, unidade comercial da Ashland Inc., produtora de ingredientes biofuncionais, anunciou hoje que assinou um acordo definitivo para a aquisição da tecnologia Zeta Fraction da AkzoNobel. A aquisição amplia o portfólio de valor agregado da Ashland em cuidados pessoais, produtos farmacêuticos, alimentos e bebidas e mercados agrícolas. A transação deverá ser concluída durante o trimestre fiscal atual. Os termos financeiros não foram divulgados.

O processo patenteado da tecnologia Zeta Fraction isola seletivamente componentes eficazes a partir de plantas vivas e fontes marinhas para produzir uma ampla gama de ingredientes biofuncionais. Frações celulares direcionadas são cuidadosamente separadas através da tecnologia patenteada, preservando o valor inerente do suco da célula vegetal. A tecnologia de extração convencional de plantas isola extratos botânicos de plantas secas e utiliza solventes externos que limitam a estabilidade do prazo de validade e reprodutibilidade, entre outras limitações.

“Esta tecnologia exclusiva e de base natural, é catalisadora para a expansão de conhecimentos abrangentes da Ashland em biofuncionais adquirida a partir de nossa tecnologia Vincience (TM) e nossa competência principal em biodisponibilidade”, disse James Mish, vice-presidente do grupo, Consumer Specialties, Ashland Specialty Ingredients.

“Um grande desafio em muitos mercados de consumo é a biodisponibilidade”, disse Mish. ” O objetivo da Ashland é trabalhar com fabricantes inovadores de produtos de cuidados do consumidor nas primeiras fases de desenvolvimento do produto, e entregar soluções de biodisponibilidade que levem as melhores oportunidades de mercado para os clientes. Isto também se aplica às indústrias farmacêutica, de nutrição e segmentos de mercado agrícola”.

Há um esforço por parte das empresas, de expandir seus conhecimentos e negócios em ingredientes ativos biofuncionais. Nos últimos meses tem havido uma série de aquisições de empresas internacionais de ingredientes biofuncionais.
A Givaudan adquiriu ontem 100% da empresa alemã de ingredientes especializados Induchem, que oferece ingredientes e ativos funcionais, depois de comprar no ano passado a Solience, que desenvolve ingredientes ativos a partir de fontes vegetais, microorganismos e microalgas para uso na indústria de cosméticos. Estas duas aquisições possibilitam à casa de fragrâncias e aromas suíça ingressar de maneira decisiva no negócio de ingredientes ativos, visando o mercado de cosmética ativa.

E há cerca de um mês a IFF – International Flavours and Fragrances – anunciou a compra da Lucas Meyer especialista em ingredientes ativos, com a aprovação de seus investidores, já que a empresa canadense atende clientes em várias regiões globais.